Pol√≠cia revela como adolescente matou a mãe e jogou corpo em açude na Para√≠ba

Foto: Reprodução/Redes sociais O adolescente de 16 anos, filho da professora Honorina Oliveira Costa, confessou que matou a mãe, em novembro de 2022.

Por Paulo Jefferson em 25/05/2023 às 15:45:23

O adolescente de 16 anos, filho da professora Honorina Oliveira Costa, confessou que matou a mãe, em novembro de 2022. O crime aconteceu na cidade de Cuité, na Paraíba. A Polícia Civil confirmou a informação nesta quinta-feira (25), em entrevista coletiva à imprensa.

Conforme as investigações, uma jovem de 18 anos, namoradora do adolescente, também participou do assassinato.

O filho da professora está apreendido no Lar do Garoto, em Campina Grande, desde o dia 12 de maio.

Como foi o crime

De acordo com a Polícia Civil, o jovem confessou o crime e contou como foi o assassinato da mãe. Em depoimento, a dupla afirmou que tentou matar Honorina com uma corda, mas ela reagiu. Então, o filho da professora aplicou um golpe conhecido como “mata leão”. A professora foi estrangulada até a morte.

Uma mala com pertences da vítima foi preparada, para parecer que ela estava saindo de casa.

O corpo da vítima foi colocado no porta malas do carro e jogado em um açude. Ela teve os pés e as mãos amarrados com cordas e pedras. A namorada do filho da professora desferiu um golpe de faca no abdômen antes de jogar o corpo na água.

O motivo

Segundo a polícia, o adolescente, que é usuário de drogas, disse que tinha ódio da mãe e pensava em matá-la desde 2018.

Ainda em depoimento, o adolescente disse que preferiu apontar que o pai como assassino para não ser descoberto. O homem chegou a ser preso, mas foi liberado após a polícia quebrar o sigilo telefônico do suspeito do crime.

A namorada do adolescente está presa no Presídio do Serrotão, em Campina Grande.

Comunicar erro

Coment√°rios